entremeado
“No tear que tece a nossa vida não há pontas soltas”

Dias

Tem dias que eu penso em desistir de escrever, desistir de tudo. Tem dias que eu quero mudar, viajar, dias que eu eu não quero mais ser eu. Como se assim conseguisse mudar o passado, conseguisse mudar o que fiz. Tem dias que eu quero ser forte, que eu quero ser duro – comigo e com os outros. Dias que o calor é pouco para me esquentar. Tem dias que eu quero ser muitos, que eu quero brincar, fazer rir, mas tem dias que eu faço chorar, mesmo sem querer, que eu posso magoar e ser magoado também.Tem dias que pouco pode ser tudo, e o silêncio pode salvar. Tem dias que a melhor companhia é a solidão e que o melhor remédio é o tempo. Dias em que quero fugir de mim mesmo, como se esquecendo de mim eu pudesse renascer.

Daniel Henrique

Anúncios

5 Respostas to “Dias”

  1. dica:
    nesses dias.. leia Caio Fernando Abreu..

    bjus

  2. Nesses dias… receba um beijo meu!

  3. Ultimamamente meus dias tem sido quase todos assim… Sinto muito por vc, sei o quando são enlouquecedores esses dias…
    Abraço

  4. “Aprendi com a primavera a me deixar cortar.
    E a voltar sempre inteira.”
    (Cecilia Meireles)

    E não se esqueça que tudo passa!!!

    Abração!

  5. Lindo este texto!!! Digo sempre que há dias em que eu queria ficar invisível.

    Tudo bem com você, Dan? 2009 está te tratando direitinho?

    Bjão!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: